OS INCRÍVEIS 2 –

OS INCRÍVEIS 2 –

A Pixar sempre foi conhecida por ser um estúdio que fez filmes “infantis” que eram voltados aos públicos de todas as idades, seja no antigo Toy Story por onde a empresa fez uma analogia a amizade e as perdas que se tem no meio do caminho, seja em WALL-E onde tece uma critica sobre o rumo que a humanidade está tomando em relação ao consumismo desenfreado, em Divertidamente tocando em um ponto relacionado as emoções humanas e sobre como elas são importantes na nossa vida e em nosso desenvolvimento ou no primeiro filme dos incríveis, onde ela aborda em como pessoas que são consideradas diferentes do normal são tratadas pelos demais, com medo, rancor e muitas vezes puro ódio sem sentido.

Contudo esse segundo filme tenta embarcar na mesma história do primeiro, sem abordar ou trazer algo novo e isso chega a ser frustrante, pois demonstra falta de zelo e carinho pela obra, algo então não visto nos longas anteriores da empresa, isso demonstra a procura do fácil que se tornou nosso cotidiano, é mais fácil apostar no mesmo, não sair da zona de conforto na espera de um retorno garantido que é conseguido. Na verdade isso é um problema da audiência que se contenta com pouco e da retorno para que essas empresas continuem a fazer suas coisas de qualquer jeito.

Como pontos positivos do longa está o protagonismo feminino, se no filme anterior o foco foi no pai da família, esse é com a mãe, abordando os aspectos de como é complicado cuidar do lar sozinho, cuidar dos filhos, papel esse que é exercido, quase que exclusivamente pelas mulheres e como abordado durante o filme é um papel de ambos.

GÊNEROS DE FILMES

Filmes em Destaque

Uma Sepultura na Eternidade – 1967
Uma Sepultura na Eternidade - 1967
Usina de Monstros – 1957
Usina de Monstros - 1957
Sombra no Escuro -1979
Sombra no Escuro -1979
A Tragédia de Belladonna – 1973
A Tragédia de Belladonna - 1973
Superstição -1982
Superstição -1982
O Terceiro Homem
O Terceiro Homem